ORANGE SOLAR

  • SUA
  • ENERGIA

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA

Funcionamento e manutenção

Se eu instalar um sistema on-grid e faltar energia elétrica na rede da concessionária eu continuo com energia solar no meu imóvel?

O sistema de energia solar fotovoltaica “on-grid” significa “conectado à rede”, ou seja, necessita obrigatoriamente da tensão da rede da distribuidora para operar. Portanto, quando faltar a energia da distribuidora, você também ficará sem energia.

Como faço para ter energia no meu imóvel inclusive em momentos de falta de energia da rede da distribuidora?

Nesse caso, um Sistema Off-grid com baterias e módulos fotovoltaicos poderia oferecer energia em momentos de falta da rede. Temos soluções bastante interessantes, de maneira a atender as cargas críticas do seu imóvel.

Que tipo de manutenção é necessária para os equipamentos fotovoltaicos?

Limpeza dos painéis de 6 meses a 1 ano, dependendo da localização.
A cada 2 anos uma revisão para verificar as conexões/apertos.

É necessário realizar a limpeza do vidro dos painéis solares com que frequência? Posso fazer isso sozinho?

Depende muito de cada instalação, mas em linhas gerais recomendamos que seja feita por um profissional especializado, pois pode aproveitar e fazer a verificação das conexões elétricas.

Mas, caso você queira fazer a limpeza do seu próprio sistema de energia solar no telhado, recomendamos utilizar água e uma vassoura de pelos macios, em um período que não haja luz solar. Igualmente, seguir as normas da NR 35, utilizando capacete e cinto de segurança preso à uma linha de vida.

Um bom horário é antes do sol nascer, pois o próprio orvalho ajuda a amolecer a sujeira.

Como faço o acompanhamento da energia solar gerada pelo meu inversor?

Todos os nossos sistemas são fornecidos com monitoramento online (para isso o cliente tem que ter conexão wifi no local de instalação). O monitoramento online permite verificar a geração de energia solar através de aplicativo no celular ou pelo computador.

Qual o risco de acidentes com os equipamentos de geração de energia solar fotovoltaica?

Além do risco de choque elétrico, que existe em qualquer instalação elétrica, existe o risco de sistema pegar fogo caso a instalação não seja feita corretamente. Para diminuir esses riscos a Orange Solar realiza testes de comissionamento e termografia após a conclusão da instalação.

Ao longo dos anos, os módulos fotovoltaicos continuarão sempre com a mesma capacidade de geração de energia solar?

A capacidade de geração de energia dos módulos fotovoltaicos sofre uma pequena redução todo ano. Contudo, os fabricantes que trabalhamos garantem por 25 anos uma perda máxima de 0,5% ao ano (ou 0,7%, à depender do fabricante).

Posso subir nos módulos fotovoltaicos ou apoiar objetos sobre eles?

Não. Definitivamente subir nos módulos ou apoiar objetos sobre eles pode causar microfissuras nas células de silício. Apesar de não serem perceptíveis à olho nu, essas fissuras podem acelerar a degradação ou reduzir a produção de energia solar.

Adicionalmente, esses danos podem ser constatados através de eletroluminescência.

Projeto/Dimensionamento, Instalação e Equipamentos

Qual o prazo de garantia dos painéis solares fotovoltaicos?

A garantia de performance é de 25 anos, ou seja, os fabricantes garantem uma geração mínima após todo esse período de utilização.

Por exemplo, a geração mínima após 25 anos varia de 80% à 83,1% da geração inicial do painel, à depender da cada fabricante.

Já a garantia contra defeitos de fabricação é de 10 a 12 anos, dependendo do fabricante.

Saiba mais sobre os equipamentos de energia solar clicando aqui!

Qual o prazo de garantia dos inversores?

Para o inversor central, varia de 5 a 7 anos e algumas marcas aceitam que você compre um período maior de garantia. Para o micro inversor a garantia é de 15 anos, podendo ser estendido por até 25 anos.

É possível fazer um aumento do número de módulos fotovoltaicos a partir do equipamento já instalado?

Sempre é possível fazer a instalação de painéis solares adicionais para aumentar a sua geração de energia solar fotovoltaica instalando um novo inversor em paralelo com o existente.

Também é possível fazer a instalação somente de painéis fotovoltaicos adicionais, sem a adição de um novo inversor. Porém, nesse caso será necessário fazer uma avaliação detalhada do sistema existente, sendo muitas vezes necessário que os novos painéis sejam das mesmas características dos inicialmente instalados,

Como faço para garantir que a instalação está segura e foi realizada corretamente?

Além de contratar uma empresa qualificada, competente e com experiência, exija que sejam realizados os testes de comissionamento preconizados pela NBR 16274 e termografia dos quadros e instalações de seu sistema de energia solar fotovoltaica.

É viável posicionar as placas em posições diferentes a fim de captar melhor a incidência solar?

Sim, é viável, mas cada posição tem que estar associada a um MPPT dedicado.

O que é um MPPT

O MPPT (Maximum Power Point Tracking – seguidor do ponto de máxima potência) é uma tecnologia presente nos inversores fotovoltaicos que busca o melhor ponto de operação (tensão vs corrente) para que cada módulo fotovoltaico gere o máximo de potência possível naquele momento.

Qual a principal diferença entre inversores centrais e micro inversores?

Cada um tem suas características, embora tenham a mesma finalidade:

Vantagens do Inversor Central:


– Menor Custo

– Facilidade de Manutenção
– Maior eficiência (sim, os inversores centrais, são mais eficientes que os micro inversores)
– Vantagens do Microinversor:
– Garantia Mais Longa
– Melhor performance de geração em situações de sombreamento e “mismatch”
– Não há necessidade de um local específico para sua instalação, já que é instalado com os módulos fotovoltaicos.
– Monitoramento módulo a módulo.

Há necessidade de instalação de eletrodutos aparentes ou embutidos na parede para a instalação do inversor?

A conexão entre os módulos fotovoltaicos e o inversor e, entre o inversor e o quadro de distribuição do imóvel, pode ser feita tanto aparente como embutido.

Meu padrão de entrada de energia é antigo. Com isso, eu preciso trocá-lo para instalar geração de energia solar fotovoltaica?

Não necessariamente. A avaliação aqui não está em ele ser novo ou antigo. Ele deverá ser trocado se não estiver conforme a norma (mesmo que versão antiga), caso apresente algum perigo ou caso não tenha capacidade para escoar sua produção de energia.

Todos esses itens serão verificados em nossa visita pré-orçamento e informaremos caso haja necessidade de troca ou um risco de a distribuidora solicitar a troca.

A energia solar fotovoltaica somente pode ser instalada no telhado face norte?

Direcionar o painel para o norte verdadeiro, com uma inclinação de 25 graus é a melhor posição para instalar um painel fotovoltaico. Contudo a instalação em outras posições (Leste, Oeste e Sul) também é bem favorável para a geração de energia.

Uma curiosidade: o pior local de irradiação solar no Brasil é melhor do que o melhor local de instalação da Alemanha, um dos líderes mundiais em energia solar.

O vidro dos módulos fotovoltaicos é forte? Ele suporta granizo?

Os painéis solares que a Orange Solar trabalha são todos fabricados dentro de normas internacionais como a IEC61215 e são construídos para suportar pedras de granizo de 35mm de diâmetro com velocidade de 100 km/h.

Mesmo assim, sempre recomendamos não subir ou apoiar objetos sobres os módulos fotovoltaicos, pois isso pode causar danos ao painéis.

O sistema de energia solar fotovoltaica necessita de para-raios (SPDA)?

O sistema de energia solar, se instalado corretamente, não reduz nem aumenta a probabilidade de um raio cair no seu imóvel. Ou seja, se o seu imóvel não tem SPDA provavelmente não fará sentido a instalação de um SPDA somente por esse motivo.

Caso o seu sistema já tenha SPDA, deverá ser avaliado como se dará a integração do sistema fotovoltaico ao seu SPDA ou como garantir que os mesmos estejam separados.

É viável utilizar em conjunto com o sistema solar um sistema de aquecimento solar?

Sim, é viável ter os dois sistemas no seu imóvel. Inclusive, o sistema aquecimento solar normalmente conta com uma resistência elétrica que aquece a água com a energia elétrica gerada pelo sistema fotovoltaico.

Importante salientar aqui que trabalhamos somente com geração de energia elétrica com módulos fotovoltaicos. Não trabalhamos com aquecedores de água solares.

Conta de Energia e Créditos

Qual a máxima redução de conta que é possível com o gerador de energia fotovoltaico?

Para uma conta de baixa tensão, mesmo que seja gerada 100% da energia consumida, haverá a necessidade do pagamento do valor mínimo da distribuidora de energia, que é de 30 kWh para conexões monofásicas, 50 kWh para conexões bifásicas e 100 kWh para conexões trifásicas.

Além disso no estado de São Paulo há a cobrança do ICMS da TUSD (pouco mais de 10% da tarifa) para a energia que é exportada para a rede (quando você gera a energia e não consome no mesmo momento).

Itens como Custo de Iluminação Pública e outras cobranças feitas na conta de energia que não tem relação com o consumo (planos de saúde, multas, etc) não serão impactadas pela sua geração de energia.

Tenho outros imóveis com a conta no meu nome, posso direcionar os créditos de energia solar para esses outros locais? Há algum custo adicional?

Caso os imóveis sejam atendidos pela mesma distribuidora de energia e estejam com o mesmo CPF ou CNPJ, SIM. Para saber mais como funciona clique aqui!

Como faço o acompanhamento da energia consumida no meu imóvel após a instalação dos sistema de geração de energia solar fotovoltaica (SGEF)?

Alguns fabricantes de inversores disponibilizam um dispositivo adicional que permite o acompanhamento online, tanto da geração quanto do consumo de energia solar do seu imóvel.

De qualquer modo, ao receber a conta da distribuidora de energia, sempre é possível obter o consumo, lembrando que a geração de energia do período é registrada pelo inversor.

Na conta de energia você encontrará a informação do excedente de geração, que foi injetado na rede. Adicionalmente na conta de luz tem a informação do total de energia elétrica que você consumiu da rede. Logo, fazendo soma e subtração você obtém o total do seu consumo.

Os créditos gerados têm data de validade para serem usados?

Sim, eles podem ser utilizados em até 60 meses da data que foram gerados pelo sistema de energia solar fotovoltaica.